Museu de Zoologia João Moojen
Universidade Federal de Viçosa

O MZUFV

03/12/2010 - Como um sapo se defende?

Os anfíbios são predados por inúmeras outras espécies de invertebrados a vertebrados, sendo conhecidas diversas estratégias de defesa que esses animais podem apresentar diante seus potenciais predadores.

Em um estudo publicado no último número do periódico Herpetological Review, pesquisadores do MZUFV publicaram um relato de um comportamento defensivo para uma espécie rara de sapo, Zachaenus carvalhoi. No comportamento exibido, Mário Ribeiro de Moura e colaboradores notaram que o indivíduo observado esticava os braços e pernas, possivelmente numa tentativa de se parecer com uma folha seca, já que o folhiço é o ambiente onde a espécie vive. Esse comportamento também é registrado para algumas outras espécies de anuros que são típicas de ambientes florestados, aparentemente uma estratégia interessante para quem vive no meio das folhas do chão da mata.

 O artigo original (Moura, M.R., Feio, R.N., Dixo, M. 2010. Zachaenus carvalhoi (Carvalho's Bug-eyed Frog). Defensive Behavior. Herpetological Review 41(4):282-283) pode ser acessado em Publicações.

Essa espécie de sapo também foi alvo de um outro trabalho publicado no início de 2010 pela equipe do MZUFV (Ana Paula Motta e colaboradores), relatando a ocorrência de Zachaenus carvalhoi para uma nova localidade em Minas Gerais.